Parceria

A RBS vai transmitir Criciúma x Metropolitano no domingo. Realmente, é o jogo mais “quente”, o único com dois times que ainda brigam por algo no campeonato. Boa escolha.

Fico imaginando, porém, o desespero dos tigrelinos ao saber que a emissora gaúcha transmitiria Metropolitano x Avaí no domingo passado, e não o jogo deles contra o Figueirense. Era um confronto entre os grandes de Santa Catarina, eles poderiam ser campeões do turno no Scarpelli mesmo, mas… a gauchada preferiu o Avaí.

Vejo muita reclamação contra a RBS, mas a verdade é que ela é bastante pró-dupla manezinha. Todo ano Avaí e Figueirense dominam as transmissões de jogos do Catarinense. Lembro que, em 2011, a escala chegou a ter previstos 16 jogos da dupla como visitantes transmitidos (ou seja, transmitidos para onde está a imensa maioria de suas torcidas) em 18 rodadas. Mudou um pouco no decorrer do campeonato porque o Leão fez um primeiro turno pífio e nas rodadas finais suas partidas não foram transmitidas, dando lugar às de Criciúma e Figueirense, que faziam boas campanhas.

Em 2013, já tivemos 18 partidas transmitidas pela RBS (algumas das primeiras rodadas tiveram dois jogos transmitidos, lembram?) e, mais uma vez, Avaí e Figueirense dominam. Foram sete jogos do Figão como visitante transmitidos e seis do Leão (o sétimo seria contra o Guarani, aquele que foi cancelado). Depois, e bem depois, vêm Criciúma e Joinville (dois cada) e Chapecoense (um). A transmissão de domingo será a primeira do Metropolitano.

Ou seja, em 70% das transmissões na primeira fase, lá estavam os patrocinadores de Avaí ou Figueirense ao vivo, em TV aberta, para milhares de espectadores da Grande Florianópolis, no mínimo, e quem sabe de outras regiões do estado (não sei se a RBS transmite sempre em rede estadual).

Se alguém tem mais motivos para reclamar da RBS são os torcedores dos times do interior. Já os dirigentes desses clubes, eles são maioria e ainda assim assinam contrato com os gaúchos. É impressionante.

Anúncios

2 Responses to “Parceria”


  1. 1 Rafael Vidal Eleutério 17 de abril de 2013 às 10:05

    Pró-manezinhos, mo pombo? Pró-audiência. Quem é alvinegro seca o Avaí e vice-versa. Não conheço criciumense que seque o JEC. A audiência dos jogos da Capital sempre será maior, logo a RBS sempre irá preferir a nós…

    Já o fato do Criciúma não ter passado para a cidade natal no último domingo, inexplicável. Só não acredito que traga alguma simpatia ao Avaí passar na TV deles lá, numa cidade que inteira apoia um único clube. Pelo contrário…

  2. 2 felipefbs 17 de abril de 2013 às 20:20

    Sim, eles transmitem mais Avaí e Figueirense porque dão mais audiência e provavelmente há mais interesse dos patrocinadores da RBS na região da Grande Florianópolis (mais populosa, maior poder aquisitivo, Capital etc.) que em outras do estado.

    Avaí e Figueirense beneficiam-se disso, pois têm mais exposição na TV aberta, que é o que todo clube quer. É um ciclo virtuoso para os três (Avaí, Figão e RBS). Quem fica chupando dedo são os torcedores dos clubes do interior.

    Isso que citasse dos secadores, é fato. Num Brasileiro, por exemplo, prefiro ver jogo do Figão que do Flamengo, porque quero SECAR, hehe. Tô pouco me lixando pra Flamengo, Corinthians, Grêmio etc.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s





%d blogueiros gostam disto: