A motivação de quem está começando

Comentário do leitor Rafael Xavier dos Passos (@xavierpassos), sobre o Ricardinho. Os grifos são meus.

Acho que é um bom nome. Apesar de questionado por membros da imprensa que citam o pouco trabalho como um fator negativo, acredito que pese a seu favor exatamente essa pouca experiência. Como? Simples. Pelo menos o Avaí pode contar com a dúvida, com a surpresa. Se trouxesse o Silas, por exemplo, não teria nada novo. Já sabemos seus métodos, sua personalidade, seu jeito de jogar. E o pior: sem a LA na retaguarda para socorrê-lo.

Ricardinho tem o perfil do técnico que acredito ser o melhor para clubes da envergadura do Avaí. Uma cara nova. Não um desconhecido qualquer, mas alguém que tem ambição na carreira, que quer crescer, chegar a ser um grande do futebol, como o Avaí também quer.

Um medalhão pode tratar o Avaí como mais um clube na vida. “Se der, beleza. Se não, parto pra outra”. Ricardinho é um recém-aposentado em uma carreira e novato em outra. Chega com ideias, convicções e trabalhos novos. Com certeza vai tratar essa passagem com muita seriedade.

Anúncios

0 Responses to “A motivação de quem está começando”



  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




Seja sócio

Divirta-se com amigos

No Twitter

Erro: o Twitter não respondeu. Por favor, aguarde alguns minutos e atualize esta página.


%d blogueiros gostam disto: