Um dos piores investimentos

Ainda não tive tempo pra escrever sobre o jogo de ontem. Fui a Palhoça e cheguei tarde em casa.

Dinélson foi talvez um dos piores investimentos da história do Avaí. Veio numa época (2009) em que o Leão contratava jogadores, digamos, bichados, a custo baixo e tentava recuperá-los. Deu muito certo com Leo Gago, deu certo até certa época com Marcinho Guerreiro, mas, com Dinélson, não, nunca deu certo.

Suspeito que Dinélson tenha disputado, desde 2009, mais jogos pelo Paraná e pelo Daegu (Coréia do Sul), clubes para o qual foi emprestado, que pelo Avaí. A única fonte que encontrei não tão segura assim: Wikipédia. A enciclopédia livre (de conteúdo, às vezes) diz que o meia fez, nesse período, 26 jogos pelo Daegu, 18 pelo Paraná e 14 pelo Avaí. Podem não ser bem esses os números, mas não está muito longe da verdade.

Dinélson deixa a Ressacada depois de quatro anos e sem um jogo, um lance, um momento digno de nota, sem nunca ter sido o jogador que disseram que poderia ser.

Anúncios

0 Responses to “Um dos piores investimentos”



  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




Seja sócio

Divirta-se com amigos

No Twitter

Erro: o Twitter não respondeu. Por favor, aguarde alguns minutos e atualize esta página.


%d blogueiros gostam disto: